Empreendedorismo digital: dicas para alcançar o sucesso

Empreendedorismo Digital

Nunca foi tão fácil entrar no universo do empreendedorismo digital. A Internet e as novas tecnologias oferecem a oportunidade de alcançar um mercado de milhões de pessoas. Se a ideia é criar um negócio online, saiba que não será preciso fazer grandes investimentos porque seu foco principal será a Internet.

Além disso, você não precisa dominar totalmente algumas tecnologias e estratégias de marketing digital para transformar seus planos em realidade. A maioria das pessoas começa um negócio online do zero, com pouco conhecimento, e com o passar do tempo adquirem as habilidades necessárias para alcançar seu público-alvo.

Isso seria mais complicado se você mantivesse seu negócio limitado ao espaço físico. Agora, mais do que nunca, as pessoas iniciam um negócio online para experimentar a independência financeira. Se a ideia é trabalhar em algo que permita desenvolver o seu talento para que se sinta mais realizado e feliz, tornar-se empreendedor é a melhor opção.

Afinal, você será seu próprio patrão. Dessa forma, poderá ditar as suas próprias regras. Sem dúvida, agora é o melhor momento para empreender. Neste artigo você vai entender como ser um empreendedor digital e ainda conhecer os principais passos que devem ser dados para mergulhar no empreendedorismo digital.

O que leva as pessoas para o empreendedorismo digital?

Como regra geral, a maioria das pessoas opta por trabalhar em empresas que, em princípio, podem oferecer maiores oportunidades de crescimento e sucesso em suas carreiras. Além de um salário compatível com a sua profissão. Mas também é verdade que em muitas empresas existem um grande número de pessoas desmotivadas.

Assim sendo, a partir de uma insatisfação com o trabalho atual, muitos profissionais manifestam a vontade de empreender. Por outro lado, precisamos entender também que o empreendedorismo digital se tornou a melhor alternativa para pessoas que estão desempregadas.

Em razão de ser uma opção mais barata que envolve menos riscos do que um negócio tradicional, muitas pessoas estão procurando informações sobre como empreender na Internet e o que empreender na Internet. De fato, estamos deixando para trás o modelo tradicional de negócios para mergulhar em diferentes possibilidades que a web oferece para ganhar dinheiro de forma honesta.

Quando você decide ser um empreendedor, precisa adquirir novas habilidades para seguir em frente e aplicá-las ao longo do caminho. Por exemplo: otimização do seu site para mecanismos de busca da internet (SEO), estratégias de marketing digital, redação, etc. É preciso estudar e aprender constantemente para crescer em qualquer setor de mercado.

Experimentar novas ideias e encontrar melhores maneiras de fazer as coisas faz parte da jornada de uma pessoa envolvida no empreendedorismo digital. Isso envolve sair da zona de conforto. Ao desenvolver uma mentalidade de sucesso todos os obstáculos que surgirem podem ser superados.

Muitos empreendedores não sabem como empreender na internet para ganhar dinheiro. Portanto, agora vamos explicar o que você precisa fazer para conquistar esse objetivo.

Como começar no empreendedorismo digital?

Então, não sabe por onde começar? Se você ainda não decidiu o que empreender na internet vamos dar uma dica: venda cursos online e ensine à distância através de uma plataforma EAD.

Também conhecido como infoproduto, um curso online é um produto digital. Como o nome sugere, se trata de um material de treinamento distribuído pela Internet e baseado no conhecimento do idealizador. Seu objetivo é solucionar um problema ou atender à necessidade de determinado nicho de mercado por meio de um conteúdo de qualidade.

Veja agora um passo a passo para ter um negócio baseado em venda de cursos online.

Passo 1: Defina seu público-alvo 

Paia iniciar um negócio de venda de cursos, você precisa definir o público que pretende atender, ou seja, o seu nicho de mercado. Estamos falando de um grande contingente de pessoas com gostos e necessidades semelhantes.

Por exemplo, talvez você esteja interessado em ensinar melhores treinos físicos para frequentadores de academia. Nesse caso, seu nicho é “Fitness/Estilo de vida saudável”.

O seu público provavelmente são homens e mulheres que buscam melhorar o condicionamento físico ou ganhar massa muscular. Então, esse seria o perfil das pessoas que podem se interessar ​​em seu curso online.

Porém, um erro que muitos empreendedores cometem é ampliar de mais seu público-alvo. Por exemplo, além de frequentadores de academia, o seu infoproduto poderia atrair também pessoas obesas que pretendem emagrecer. Mas, “abrir muito o leque” do seu nicho de mercado pode não dar certo.

Em vez disso, escolha um nicho e descubra qual pequeno grupo de pessoas você pode segmentar. Quando você sabe exatamente quem deseja atender, pode concentrar todos os seus esforços em descobrir onde seu público-alvo está e o que eles precisam. A partir daí, você pode criar um curso online de qualidade que interesse essas pessoas.

É claro que, quando o seu negócio ficar maior, você poderá ampliar esse público. Portanto, seguindo o exemplo anterior, no futuro, a ideia de atender pessoas que querem emagrecer se tornará uma boa iniciativa para lucrar mais. Mas no começo, o ideal é focar em um pequeno grupo de pessoas.

Passo 2: Crie seu curso online

O próximo passo é reunir os assuntos que você pretende tratar em seu curso online. Durante a fase de pesquisa, na qual você irá selecionar os temas, você pode descobrir que já existem conteúdos semelhantes. Portanto, para que as pessoas se interessem pelo seu curso é preciso oferecer algo diferente.

Pense no que o cliente poderá aprender e colocar em prática depois da compra do seu curso. Este é o seu ponto de venda. Depois de ter isso em primeiro plano em sua mente, é provável que você produza algo que as pessoas queiram comprar!

Você também precisará decidir o formato de distribuição do seu curso online. Você pretende gravar vídeo-aulas? O material disponibilizado será apenas em pdf? Você dará um certificado ao final do curso?

Passo 3: Escolha uma plataforma EAD

Então, agora que você já sabe como escolher um nicho de mercado e já tem ideia de como produzir um curso online, o próximo passo é escolher a plataforma onde deseja que seu infoproduto seja armazenado para a venda.

Por exemplo, a plataforma EAD Genius, com clube de assinatura, disponibiliza a venda de cursos online integrada com Pagar.me, PagSeguro e Hotmart.

Nela é possível acompanhar e controlar o processo financeiro que envolve os pedidos dos usuários. Ao adquirir um curso ou fazer uma assinatura, o aluno recebe as informações de acesso à plataforma diretamente em seu e-mail para que assista as aulas e gerencie seu perfil.

Entre outras funcionalidades, a plataforma também oferece suporte ao aluno, para você responder dúvidas. Além disso, você pode usar o recurso de emissão de certificados para os aprovados.

Passo 4: Divulgue seu curso online

Realizar o marketing do seu curso é fundamental para alcançar seu público-alvo. Portanto, pode ser uma boa ideia criar uma página na internet para promover seu curso. Pode ser uma boa ideia criar um site, uma página de destino ou um blog para a divulgação.

A otimização do seu site ajudará os mecanismos de pesquisa da Internet a mostrar seu conteúdo para um grande número de usuários. O fator mais importante a ser lembrado sobre SEO é que ele é gratuito. Quando um usuário digita um termo para fazer uma consulta no Google, são exibidos artigos de blogs, vídeos, imagens, notícias, etc. Tudo depende da palavra-chave usada.

Portanto, ao publicar artigos no seu blog, por exemplo, acrescente um vídeo ou imagem atrativa com legenda descritiva. E não se esqueça da meta descrição. Outra dica importante é verificar se suas palavras-chave são populares, de acordo com seu nicho de mercado.

No empreendedorismo digital as melhores estratégias começam pelo desenvolvimento de um site responsivo. É importante ajustar seu site para qualquer tipo de resolução de tela, seja de computadores de mesa ou dispositivos móveis. Além disso, imagens e cores devem estar em perfeita harmonia. Certamente, um site bem desenhado garante boa visibilidade na Internet.

Invista também em e-mail marketing. Para aplicar essa estratégia, basta reservar um campo em sua página para a inscrição de e-mails dos visitantes. Assim, quando você já tiver uma grande lista, poderá enviar e-mails divulgando seu infoproduto.

Mas, cuidado para não bombardear seu público com e-mails de vendas. Procure também enviar conteúdo escrito, com gráficos e vídeos para envolvê-los e motivá-los a comprar.

As melhores dicas sobre empreendedorismo digital

Agora que você decidiu criar um curso online para compartilhar seus conhecimentos, e já sabe como ser um empreendedor digital e como empreender na internet. A seguir, algumas dicas úteis para você ter sucesso.

Presença nas redes sociais

Para que seu curso online alcance cada vez mais pessoas, a dica é ter uma forte presença nas redes sociais. Sem dúvida, essa é uma ótima maneira de atingir seu público-alvo. Conheça algumas opções!

Facebook: os usuários do Facebook se conectam para curtir e compartilhar fotos, vídeos e notícias que consideram relevantes. Portanto, o conteúdo que você publicar deve ir de encontro com os interesses do seu público-alvo.

Twitter: essa rede social é muito usada para manter conversas rápidas e ficar por dentro das últimas novidades. O conteúdo que você publicar no Twitter deve ser de qualidade. Então, compartilhe coisas relevantes para seu público-alvo. Se você pretende lançar um curso sobre investimentos financeiros, por exemplo, a dica é compartilhar conteúdo relacionado com esse tema.

LinkedIn: essa plataforma é extremamente profissional. Poucas pessoas a usam tão ativamente quanto o Facebook, Twitter e Instagram. Portanto, reserve esta ferramenta para a comunicação com profissionais do seu setor de mercado.

Instagram: essa rede social é voltada para um público interessado em imagens envolventes e vídeos cativantes. Portanto, publique conteúdo multimídia, relacionado ao seu curso online.

Gerar tráfego

Depois dessas informações gerais sobre empreendedorismo digital você deve estar se perguntando: como atrair pessoas interessadas em comprar meu curso online?

Então, o ideal é se concentrar no canal em que seu público-alvo está. Por exemplo, não perca tempo no Instagram se a grande maioria do seu público-alvo está no Facebook.

Além disso, concentre-se em gerar tráfego orgânico. Porém, para que isso aconteça, é fundamental aderir às melhores práticas de SEO para se posicionar na primeira página do Google.

Por exemplo, em uma pesquisa online, quantas vezes você foi para a segunda ou terceira página dos resultados? Isso se explica porque as pessoas têm uma tendência natural de clicar nos sites que aparecem primeiro no Google.

Para gerar tráfego qualificado, comece fazendo uma boa pesquisa de palavras-chave para inserir em seu conteúdo e conseguir posicionar sua página da web nas primeiras posições no Google.

Publicidade paga

Muitos empreendedores digitais têm dificuldade de atingir seu público-alvo. Saiba que o tráfego orgânico deve ser uma abordagem obrigatória no empreendedorismo digital, mas mesmo sendo relevante, pode demorar meses para mostrar resultados. Portanto, para impulsionar seu curso online você precisará investir em tráfego pago.

Existem várias opções para atrair clientes em potencial para o seu site. Ao investir no tempo de exposição de seus anúncios em duas das maiores plataformas do mundo (Facebook Ads e o Google Ads) você alcançará seu público de maneira mais rápida.

A grande vantagem de poder investir em anúncios nessas plataformas gigantes é que você terá a oportunidade de escolher o perfil do seu público-alvo. De acordo com o tema do seu curso, ao anunciar no Facebook ou no Google Ads, você pode optar por fazer com que sua publicidade alcance pessoas de determinadas idades, sexos, comportamentos e gostos.

Vale a pena se dedicar ao empreendedorismo digital?

Por fim, se você é um empreendedor iniciante mantenha-se motivado na criação do seu infoproduto. Não desista diante dos primeiros obstáculos. A melhor coisa sobre fazer e vender cursos online é que, depois de criá-los e comercializá-los, eles simplesmente permanecem lá, gerando uma renda passiva!

Uma vez que seu produto digital esteja armazenado em uma plataforma EAD, não há limite em termos de número de vendas! A matéria-prima é sua habilidade, seu conhecimento, sua criatividade. Você é o único fornecedor do seu sucesso!

Com certeza vale a pena se dedicar ao empreendedorismo digital. A perseverança é o segredo do sucesso de muitos empreendedores. Boa sorte em sua jornada!

E ai, conte pra gente o que você achou deste conteúdo, deixe seu comentário abaixo e também aproveite para compartilhar com seus amigos.

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça parte da Lista Vip

Receba conteúdo exclusivo

Veja mais

®2020 Genius EAD | Todos os direitos reservados​